Notícias

Divulgação Cultural

MNAA-Museu Nacional de Arte Antiga – Inauguração da obra: Luca Giordano “A Rendição do Eleitor da Saxónia perante Carlos V”

MNAA-Museu Nacional de Arte Antiga - Inauguração da obra: Luca Giordano "A Rendição do Eleitor da Saxónia perante Carlos V"

Luca Giordano
A Rendição do Eleitor da Saxónia perante Carlos V
Patrimonio Nacional (Espanha)

Pintor talentoso e rápido no executar (e, por isso, conhecido como «Fa presto»), Luca Giordano (Nápoles, 1634-1705) adquiriu fama por toda a Europa pela sua habilidade em retomar o estilo de José de Ribera, particularmente apreciado pelos grandes colecionadores espanhóis. Foi, no entanto, pela sua capacidade de pintar grandes frescos que Carlos II (1665-1700) o chamou a Madrid, em 1692, para ser pintor régio. Esta Obra Convidada fazia parte de um conjunto de quatro telas que celebrava os sucessos militares do imperador Carlos V. O pai de Giordano era especialista em pintura de batalhas e Luca dedicou-se precocemente a este tema, que viria a retomar nos últimos anos da sua estada em Madrid com vários ciclos alusivos a feitos heróicos de monarcas espanhóis.

Inauguração
20 de setembro | 18h
A apresentação da pintura será feita por Carmen García-Frías Checa, conservadora de Pintura Antiga da Dirección de las Colecciones Reales, Espanha.

Mais informação: museudearteantiga.pt

Outros artigos em Divulgação Cultural:

ANTESTREIA DA SÉRIE DOCUMENTAL | Mestres e Sons Lusitanos | Episódio 1 – Pedro António Avondano | 10 maio ’24 | 18h00 | Auditório

ANTESTREIA DA SÉRIE DOCUMENTAL | Mestres e Sons Lusitanos | Episódio 1 – Pedro António Avondano | 10 maio ’24 | 18h00 | Auditório

Mestres e Sons Lusitanos é uma série documental na qual é contada a história de seis compositores portugueses dos séculos XVIII e XIX que, na sua época, não foram menos famosos, nem menos virtuosos do que Mozart, Haydn ou Beethoven, mas cuja música, ao contrário da destes, é muito pouco conhecida, raramente ouvida, e quase nunca ensinada, inclusive nas escolas de música portuguesas

MINDFULNESS: VISITA, RETIRO E CURSO

MINDFULNESS: VISITA, RETIRO E CURSO

A prática de mindfulness no museu oferece a possibilidade de estar plenamente atento e presente. Enriqueça a sua experiência da arte nestas visitas com meditação guiada.

SEMINÁRIO | Caminhos da Historiografia | A revolução de 25 de abril de 1974 | 16 abr. ’24 | 09h00 – 18h45 | BNP – Auditório

SEMINÁRIO | Caminhos da Historiografia | A revolução de 25 de abril de 1974 | 16 abr. ’24 | 09h00 – 18h45 | BNP – Auditório

Quando no final dos anos 50 e princípios de 60 se tornou evidente uma crise no regime do Estado Novo, logo acompanhada do início da guerra colonial, a historiografia portuguesa dava já sinais de renovação, em contacto com as práticas e teorias que noutras geografias se iam desenvolvendo. O Dicionário de História de Portugal (1963-71) de Joel Serrão, foi então uma expressão dessa mudança que se vinha desenhando desde o pós-guerra

Apoios/Parcerias:

Associação Portuguesa para o Estudo Clínico da SIDA (APECS)By The BookCarmo's Residence - Art ApartmentsConsulped - Consultórios de Pediatria e da FamíliaGreen Breeze - Discover the seasideiavirtual - aplicações interativasLACPEDI - Liga de Apoio Comunitário em prol do Estudo das Doenças InfecciosasLiga dos Amigos do Hospital de São Bernardo, LAHSB-CHS
LASAOrdem dos MédicosSociedade Portuguesa de Escritores e Artistas Médicos (SOPEAM)Sociedade Portuguesa de Medicina Interna: SPMISociedade Portuguesa de Medicina do Viajante (SPMV)sYnapsis