Notícias

Divulgação Cultural

Ciclo Literatura Escrita por Mulheres | Amelia Edwards e Mary Chubb: egiptólogas, viajantes, autoras | 28 abr. | 18h00 | BNP

Ciclo Literatura Escrita por Mulheres | Amelia Edwards e Mary Chubb: egiptólogas, viajantes, autoras | 28 abr. | 18h00 | BNP

Literatura Escrita por Mulheres
Amelia Edwards e Mary Chubb: egiptólogas, viajantes, autoras.
Imagens do Egipto nos séculos XIX e XX
em literaturas femininas britânicas

CICLO DE CONFERÊNCIAS | 28 abr. ’22 | 18h00 | Auditório | Entrada livre

A segunda metade do século XIX e primeira do XX constituiu um período fundamental na luta pelos direitos das mulheres de elite no mundo ocidental. Em solo britânico, uma maior representação política foi acompanhada de um incremento de oportunidades profissionais e notoriedade pública, com ecos na então emergente disciplina da Egiptologia. Com efeito, várias mulheres lograram afirmar-se enquanto sujeitos e agentes promotores do saber egiptológico, ao mesmo tempo que se empenharam na disseminação do conhecimento e promoção de interesse pelo (antigo) Egipto, por meio da publicação de obras, algumas das quais se tornariam autênticos sucessos de vendas.

Esta conferência centra-se em duas dessas obras: o diário de viagem A Thousand Miles Up the Nile, de Amelia Edwards (1877), e o livro de memórias Nefertiti Lived Here, de Mary Chubb (1954). Tomando os seus testemunhos como ponto de partida, analisa-se o contexto de redação e publicação destes textos, a par do seu conteúdo e acolhimento junto do público, sondando os discursos e narrativas aí contidos. Pretende-se, assim, indagar conceções e perceções, por um lado, sobre o Egipto (antigo e contemporâneo) e, por outro, alusivas ao lugar da(s) mulher(es) na academia e na sociedade.

Guilherme Borges Pires é licenciado em História pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade NOVA de Lisboa (2013) e mestre em Egiptologia pela mesma instituição (2015). Atualmente, encontra-se a realizar a sua tese de doutoramento, focada nas conceções alusivas à Criação e ao Criador nos Hinos Religiosos do Império Novo egípcio (c. 1539-1077 a.C.), sendo bolseiro da Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT). Entre Setembro de 2016 e Dezembro de 2017, desenvolveu a sua pesquisa de doutoramento em Paris, tendo aí frequentado seminários da especialidade na École Pratique des Hautes Études – Centre Wladimir Golénischeff. Nos últimos anos, tem conduzido a sua investigação em Londres. Em Fevereiro de 2020, integrou o projeto “Scanning the covers and contents of historical Egypt travel magazines” promovido pela EES (Egypt Exploration Society, Londres, Reino Unido). É Investigador Integrado do CHAM – Centro de Humanidades (FCSH, Universidade NOVA de Lisboa, Universidade dos Açores) e editor da revista RES Antiquitatis – Journal of Ancient History.

Sobre o V Ciclo Literatura Escrita por Mulheres

Isabel Araújo Branco organiza a edição de 2021/2022 das conferências dedicadas a «Literatura Escrita por Mulheres», a quinta deste ciclo de encontros realizado no âmbito da linha de investigação «História das Mulheres e do Género», do CHAM-Centro de Humanidades NOVA.

A História tem vindo a ser escrita ao longo do tempo como um construto que generaliza a vivência humana através da padronização do e no masculino. História sem género, dir-se-ia, mas que afinal exclui as mulheres da história. A historiografia tem construído barreiras de análise cultural, social, religiosa e política que excluem as mulheres.

Com coordenação de Maria Barreto Dávila, a linha de investigação «História das Mulheres e do Género», do CHAM pretende contrariar esta tendência e constituir-se como uma área de investigação inovadora e multidisciplinar.

Fonte: bnportugal.pt

Outros artigos em Divulgação Cultural:

1 OUTUBRO | ARTUR PIZARRO | RECITAL DE PIANO

1 OUTUBRO | ARTUR PIZARRO | RECITAL DE PIANO

Celebrando a longa ligação portuguesa e francesa à cultura e música chinesa, Artur Pizarro interpreta obras de compositores dos 3 países, num programa original concebido para este recital na Fundação Oriente, que assinala o Dia Europeu das Fundações e Doadores e o Dia Mundial da Música.

Apoios/Parcerias:

Associação Portuguesa para o Estudo Clínico da SIDA (APECS)By The BookCarmo's Residence - Art ApartmentsConsulped - Consultórios de Pediatria e da Famíliaideiavirtual - aplicações interativasLACPEDI - Liga de Apoio Comunitário em prol do Estudo das Doenças InfecciosasLiga dos Amigos do Hospital de São Bernardo, LAHSB-CHS
LASAOrdem dos MédicosSociedade Portuguesa de Escritores e Artistas Médicos (SOPEAM)Sociedade Portuguesa de Medicina Interna: SPMISociedade Portuguesa de Medicina do Viajante (SPMV)sYnapsis