Notícias

Divulgação Cultural

Mostra | Margarida Jácome Correia | 24 jan. – 30 abr. | BNP

Mostra | Margarida Jácome Correia | 24 jan. - 30 abr. | BNP

Margarida Jácome Correia
MOSTRA | 24 jan. – 30 abr. ´19 | Sala de Referência | Entrada livre

Mostra | Margarida Jácome Correia | 24 jan. - 30 abr. | BNPMargarida Vitória Borges de Sousa Jácome Correia, Marquesa de Jácome Correia ou A Marquesinha, para os populares da Ilha de São Miguel, foi “Senhora de grande beleza, de enorme vitalidade, e de uma considerável fortuna familiar”, como descreve Luiz Fagundes Duarte, em Retratos imperfeitos.

A Marquesa relacionou-se com vultos do meio cultural português como os escritores Domingos Monteiro, Hernâni Cidade, Natália Correia e Armando Côrtes-Rodrigues, poeta do Orpheu e seu terceiro marido, através do qual conheceu Vitorino Nemésio, que por ela se apaixonou, vivendo os dois uma relação amorosa de enorme intensidade, que perdurou até à morte de Nemésio.

Um amor que Nemésio foi registando nos poemas que viria a reunir no livro Caderno de Caligraphia, escritos entre março de 1973 e maio de 1977, e cujos manuscritos serão exibidos nesta mostra.

Mostra | Margarida Jácome Correia | 24 jan. - 30 abr. | BNPComo lembra Fagundes Duarte, «Nemésio chegou a criar, materializando-as em cartões-de-visita impressos, uma SOCIEDADE LUDO-IMAGINÁRIA MARGANÉSIO, e uma outra, MARGA, ILIMITADA, dedicada a pura ficção e a poesia e novela».

Também Margarida Jácome Correia deixou memórias desta paixão no polémico Amores de Cadela «Pura»: confissões, sobretudo no segundo volume, concluído pouco antes da morte da autora e só publicado em 2004, e cujo primeiro volume (1976) ainda escreveu com o apoio de Vitorino Nemésio.

Cabeçalho: pormenor de Caderno de Caligraphia / Victorino Nemésio. – 1973-1974

Fonte: bnportugal.pt

Outros artigos em Divulgação Cultural:

1 OUTUBRO | ARTUR PIZARRO | RECITAL DE PIANO

1 OUTUBRO | ARTUR PIZARRO | RECITAL DE PIANO

Celebrando a longa ligação portuguesa e francesa à cultura e música chinesa, Artur Pizarro interpreta obras de compositores dos 3 países, num programa original concebido para este recital na Fundação Oriente, que assinala o Dia Europeu das Fundações e Doadores e o Dia Mundial da Música.

Congresso | Mistérios e segredos dos Cancioneiros: caminhos da poesia, iluminura e escrita nas cantigas medievais… | 22 set. ’22 | 09h30-18h00

Congresso | Mistérios e segredos dos Cancioneiros: caminhos da poesia, iluminura e escrita nas cantigas medievais… | 22 set. ’22 | 09h30-18h00

O projeto “Stemma – Do Canto à escrita. Produção material e percursos da lírica galego-portuguesa” visou compreender melhor tanto os parâmetros da passagem do canto trovadoresco ibérico à escrita, como o desconhecido percurso posterior dos manuscritos, nomeadamente o papel que neste stemma desempenharam importantes figuras do humanismo renascentista português e europeu

Apoios/Parcerias:

Associação Portuguesa para o Estudo Clínico da SIDA (APECS)By The BookCarmo's Residence - Art ApartmentsConsulped - Consultórios de Pediatria e da Famíliaideiavirtual - aplicações interativasLACPEDI - Liga de Apoio Comunitário em prol do Estudo das Doenças InfecciosasLiga dos Amigos do Hospital de São Bernardo, LAHSB-CHS
LASAOrdem dos MédicosSociedade Portuguesa de Escritores e Artistas Médicos (SOPEAM)Sociedade Portuguesa de Medicina Interna: SPMISociedade Portuguesa de Medicina do Viajante (SPMV)sYnapsis