Notícias

Divulgação Cultural

CCB | Conferência “A Cor do Poder” – Maria de Fátima Bonifácio, dia 15 de novembro às 18h > Centro de Congressos e Reuniões

CCB | Conferência "A Cor do Poder" - Maria de Fátima Bonifácio, dia 15 de novembro às 18h > Centro de Congressos e Reuniões
CCB | Conferência "A Cor do Poder" - Maria de Fátima Bonifácio, dia 15 de novembro às 18h > Centro de Congressos e Reuniões

Conferência
A Cor do Poder
Maria de Fátima Bonifácio
15 de novembro às 18h
Centro de Congressos e Reuniões – M/6

«O Poder não tem cor. Como aliás não tem cheiro, nem forma concreta definida e visível. E, no entanto, palpa-se, agarra-se, conquista-se e exerce-se. A mira do Poder inebria, por vezes enlouquece: alheados da Pátria, do País, da Monarquia, o 1.º Duque de Saldanha João Carlos de Saldanha e Daun, e António Bernardo da Costa Cabral, conde de Tomar, engalfinharam-se, com motivações diferentes, num corpo a corpo sem regras nem tréguas para se assenhorearem dessa maviosa sereia. A peleja de vida ou de morte teve lugar entre 1849 e 1851.»
Maria de Fátima Bonifácio

Produção | CCB »

Outros artigos em Divulgação Cultural:

Notícia | O site do O’neill | já online

Notícia | O site do O’neill | já online

O site dedicado à vida e obra de Alexandre O’Neill é uma das linhas de ação de Lugares de O’Neill, projeto de investigação nos domínios da Língua e da Cultura Portuguesas, integrado no Centro de Estudos de Comunicação e Cultura da Universidade Católica Portuguesa e financiado pela Fundação Calouste Gulbenkian, que se desenvolveu entre 2018 e 2019

Mostra | A poesia de Amália | 15 out. – 15 dez. | BNP

Mostra | A poesia de Amália | 15 out. – 15 dez. | BNP

No início de 1959 Amália faz mais uma temporada no Olympia, em Paris, com brilho incontestável de vedeta internacional – a revista Variety considera-a nesse ano uma das quatro maiores cantoras do mundo. Numa dessas noites apresenta-se nos bastidores um rapaz que lhe oferece uma melodia. Tem trinta anos e chama-se Alain Oulman.

Renovação da Galeria René Lalique e uma nova exposição do artista

Renovação da Galeria René Lalique e uma nova exposição do artista

No final do mês, o Museu Gulbenkian inaugura René Lalique e a Idade do Vidro. Esta exposição gratuita centra-se na relação do artista com o vidro e reúne cerca de 100 obras da sua autoria, provenientes da Coleção Gulbenkian, do Musée Lalique de Wingen-sur-Moder e de outras coleções particulares.

Apoios/Parcerias:

Associação Portuguesa para o Estudo Clínico da SIDA (APECS)By The BookCarmo's Residence - Art ApartmentsConsulped - Consultórios de Pediatria e da Famíliaideiavirtual - aplicações interativasLACPEDI - Liga de Apoio Comunitário em prol do Estudo das Doenças InfecciosasLiga dos Amigos do Hospital de São Bernardo, LAHSB-CHS
LASAOrdem dos MédicosSociedade Portuguesa de Escritores e Artistas Médicos (SOPEAM)Sociedade Portuguesa de Medicina Interna: SPMISociedade Portuguesa de Medicina do Viajante (SPMV)sYnapsis