Notícias

Divulgação Cultural

Visita guiada | Letra perfeita e clara que se pode ler sem óculos: 550 anos da morte de Gutenberg | Amanhã | 18h00 | BNP

Visita guiada | Letra perfeita e clara que se pode ler sem óculos: 550 anos da morte de Gutenberg | Amanhã | 18h00 | BNP

Letra perfeita e clara que se pode ler sem óculos
Nos 550 anos da morte de Gutenberg
EXPOSIÇÃO | 20 mar. – 8 jun. ’18 | Sala de Exposições – Piso 3 | Entrada livre

A 3 de fevereiro de 1468 morreu em Mainz, cidade do Império Austro-Húngaro (hoje território da Alemanha), Johann Gutenberg. Sobre essa data passaram – no dia 14 de fevereiro (segundo o sistema atual de datação) – 550 anos.

Gutenberg fica para a história como o homem que inventa a tipografia; invento esse que alicerça o conhecimento e impulsiona o caminho da modernidade. A escrita produzida com tipos apresenta-se limpa, com letras bem desenhadas e com bastante legibilidade.

«Impressio Librorum», Antuérpia, ca 1591 (BNP E.A. 15//4 P.)

«Impressio Librorum», Antuérpia, ca 1591 (BNP E.A. 15//4 P.)

A Biblioteca Nacional de Portugal conserva na sua coleção um exemplar da Bíblia que saiu dos seus prelos, em Mainz, antes de 1456. A composição de um livro com esta envergadura demorava, na época, mais de um ano a ser produzido.

Em torno dessa obra produziu-se uma exposição evocativa do progresso e avanço da tipografia na Europa até ao seu estabelecimento em Portugal.

A exposição é comissariada por João Alves Dias.

Fonte: bnportugal.pt

Outros artigos em Divulgação Cultural:

Mostra | Irmãs Brontë: 200 anos | 20 setembro – BNP

Mostra | Irmãs Brontë: 200 anos | 20 setembro – BNP

As irmãs Charlotte (1816-1855), Emily (1818-1848) e Anne (1820-1849) Brontë, filhas de Patrick Brontë (1777-1861) e Maria Branwell (1783-1821), nasceram no início do século XIX, com dois anos de intervalo entre si, e ficaram conhecidas como romancistas e poetisas, tendo publicado as suas obras em datas próximas e, como era aliás comum na época, sob pseudónimos masculinos

Sessão | Augusto Abelaira, um amigo também | 19 set. | 18h00 | BNP

Sessão | Augusto Abelaira, um amigo também | 19 set. | 18h00 | BNP

Encontro sobre Augusto Abelaira, com intervenções de: Maria Antónia Palla – Augusto Abelaira, um amigo também | Paulo Alexandre Pereira – Outrora, agora. Ler Augusto Abelaira hoje. Este encontro decorre no âmbito da exposição Augusto Abelaira e o continuum narrativo, patente na BNP até 29 de setembro

Apoios/Parcerias:

Associação Portuguesa para o Estudo Clínico da SIDA (APECS)By The BookConsulped - Consultórios de Pediatria e da Famíliaideiavirtual - aplicações interativasLACPEDI - Liga de Apoio Comunitário em prol do Estudo das Doenças InfecciosasLiga dos Amigos do Hospital de São Bernardo, LAHSB-CHSLASA
Ordem dos MédicosSociedade Portuguesa de Escritores e Artistas Médicos (SOPEAM)Sociedade Portuguesa de Medicina Interna: SPMISociedade Portuguesa de Medicina do Viajante (SPMV)sYnapsis