Notícias

Divulgação Cultural

Congresso internacional | Roma e Lisboa no século XVIII – música, artes visuais e transferências culturais | 28 / 29 mar. | BNP

Congresso internacional | Roma e Lisboa no século XVIII - música, artes visuais e transferências culturais | 28 / 29 mar. | BNP

Roma e Lisboa no século XVIII
música, artes visuais e transferências culturais

CONGRESSO INTERNACIONAL | 28 / 29 mar. ’19 | Auditório BNP | Entrada livre | Programa

Encontro organizado com o objetivo de promover novas abordagens no estudo da história da música e das artes, incentivando um diálogo multidisciplinar que envolva desde a história política, económica, cultural e das artes, até à musicologia, literatura e filosofia.

As relações políticas, diplomáticas, culturais e artísticas (incluindo a música e as
artes visuais) entre Roma e Lisboa, no século XVIII, têm despertado, ao longo do tempo, o interesse de diversos investigadores.

No entanto, as várias pesquisas foram sendo desenvolvidas no âmbito das tradições próprias de cada disciplina, sem que se estabelecesse, na maioria das vezes, um verdadeiro diálogo entre as diferentes áreas do conhecimento ou se fizessem cruzamentos entre problemáticas transversais.

Do mesmo modo, o estudo das relações artísticas e das transferências culturais pressupõe uma visão aprofundada e atualizada do contexto histórico e social de cada uma das cidades e das suas especificidades.

Com este congresso internacional pretende-se promover novas
abordagens no âmbito da história da música e das artes, através de um diálogo
multidisciplinar que envolva diferentes pontos de vista. Nesta perspetiva, são convidados a participar investigadores (em qualquer etapa das suas carreiras), de diferentes campos, como história política, económica, cultural e das artes, musicologia,
literatura e filosofia.

Em paralelo com o congresso, está patente na Biblioteca Nacional de Portugal a mostra Do Tejo ao Tibre: músicos e artistas portugueses na Roma do século XVIII, com curadoria de Pilar Diez del Corral e Cristina Fernandes.

Organização

– Grupo de investigação “Estudos Históricos e Culturais em Música” do INET-md, Instituto de Etnomusicologia – Centro de Estudos em Música e Dança, Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa (NOVA FCSH)
– Departamento de Historia del Arte, Universidad Nacional de Educación a Distancia (UNED), Madrid

Diretoras Científicas

– Pilar Diez del Corral Corredoira
– Cristina Fernandes

Comissão Científica

– Manuel Carlos de Brito (NOVA FCSH, Lisboa)
– Elisa Camboni (Accademia Nazionale di San Luca, Roma)
– Pilar Diez del Corral Corredoira (UNED, Madrid)
– Cristina Fernandes (INET-md, NOVA FCSH, Lisboa)
– Anne-Madeleine Goulet (CNRS, Projecto Performart-Roma)
– Teresa Leonor M. Vale (ARTIS, Universidade de Lisboa)
– Rui Vieira Nery (INET-md, NOVA FCSH/Fundação Gulbenkian, Lisboa)

Fonte: bnportugal.pt

Outros artigos em Divulgação Cultural:

Dois mapas de batalhas entre Portugal e Espanha: 1580-1644

Dois mapas de batalhas entre Portugal e Espanha: 1580-1644

A BNP conserva nas suas coleções um conjunto significativo de mapas e planos de batalhas, nos quais se incluem dois documentos, considerados únicos, designadamente da Batalha de Alcântara, que ditou a perda de independência de Portugal em 1580, e da Batalha de Montijo, que em 1644 foi determinante na consolidação da restauração da independência

Conferência | Dickens 150 | 9 dez. | 17h00 | BNP

Conferência | Dickens 150 | 9 dez. | 17h00 | BNP

A 9 de junho de 2020 assinalou-se o 150º aniversário da morte do romancista e jornalista Charles Dickens (1812-1870). O CETAPS (NOVA FCSH) e a Biblioteca Nacional de Portugal marcam a efeméride através de uma conferência que junta investigadores que estudam a obra e a vida de Dickens

Lançamento | Viagem maior | 10 dez. | 18h00 | BNP

Lançamento | Viagem maior | 10 dez. | 18h00 | BNP

Duarte Belo desenhou uma viagem que resume mais de trinta anos de mapeamento fotográfico da paisagem e da arquitetura portuguesas. João Abreu partiu, solitário, para a estrada para fazer os 6000 quilómetros delineados, distância permitiria ligar o Cabo da Roca aos Montes Urais. A Viagem Maior é o cruzamento e o encontro de dois olhares sobre o espaço e o tempo de um território concreto

Apoios/Parcerias:

Associação Portuguesa para o Estudo Clínico da SIDA (APECS)By The BookCarmo's Residence - Art ApartmentsConsulped - Consultórios de Pediatria e da Famíliaideiavirtual - aplicações interativasLACPEDI - Liga de Apoio Comunitário em prol do Estudo das Doenças InfecciosasLiga dos Amigos do Hospital de São Bernardo, LAHSB-CHS
LASAOrdem dos MédicosSociedade Portuguesa de Escritores e Artistas Médicos (SOPEAM)Sociedade Portuguesa de Medicina Interna: SPMISociedade Portuguesa de Medicina do Viajante (SPMV)sYnapsis