Notícias

Divulgação Cultural

MUSEU NACIONAL DE ARTE ANTIGA – Exposição | Do tirar polo natural – Inquérito ao retrato português

MUSEU NACIONAL DE ARTE ANTIGA - Exposição | Do tirar polo natural - Inquérito ao retrato português

tirar polo natural
Inquérito ao retrato português

Nesta exposição estão reunidas cerca de 200 obras, de múltiplas disciplinas artísticas, provenientes de instituições e colecionadores nacionais, bem como de prestigiosas instituições internacionais, como o Museo del Prado, o Groeningemuseum de Bruges, a Galleria Nazionale di Parma ou os Musées Royaux des Beaux-Arts de Belgique.

Partindo de obras realizadas por artistas nacionais que retratam personagens portuguesas, organiza-se uma exposição-ensaio, um inquérito sobre o poder do retrato, uma reflexão sobre a representação e o tirar polo natural tal como o definiu, no século XVI, Francisco de Holanda, o primeiro teórico do retrato europeu.

A mostra cruzará épocas históricas distintas, não se cingindo às classificações tradicionais de estilos, categorias ou géneros, propondo antes uma montagem determinada por um olhar contemporâneo sobre a história do género, quer nos dispositivos de apresentação, quer na aproximação de obras que, aparentemente, não estariam predispostas a ser confrontadas.

Comissários: Anísio Franco, Filipa Oliveira e Paulo Pires do Vale

INAUGURAÇÃO
28 junho | 18h30

Mais informações: museudearteantiga.pt

Outros artigos em Divulgação Cultural:

Encontro | O legado d’As mil e uma noites | 24 out. | 14h00 | BNP

Encontro | O legado d’As mil e uma noites | 24 out. | 14h00 | BNP

São apresentadas e debatidas algumas comunicações sobre a receção, representação, tradução e presença d’As mil e uma noites na cultura portuguesa e a nível internacional, principalmente na literatura. O evento decorre no âmbito da exposição As mil e uma noites em Portugal comissariada por Fabrizio Boscaglia, Hugo Maia e Renata Fontanillas

Concerto | Sarau dos Amores: Coro de Câmara da Universidade de Lisboa | 20 out. | 16h00 | BNP

Concerto | Sarau dos Amores: Coro de Câmara da Universidade de Lisboa | 20 out. | 16h00 | BNP

Renascença, tempo de (re)conquista e (re)descoberta do Homem, do mundo e de tudo o que este tinha para dar. Após centenas de anos de amores condenados e proibidos, o amor do renascimento não escapou ao florescer da expressão humana, onde proliferaram as paixões, as conquistas, as saudades, os pesares, as tampas, as despedidas, os desprezos, as traições, o exímio galanteio e os seus grandes ícones

Apoios/Parcerias:

Associação Portuguesa para o Estudo Clínico da SIDA (APECS)By The BookConsulped - Consultórios de Pediatria e da Famíliaideiavirtual - aplicações interativasLACPEDI - Liga de Apoio Comunitário em prol do Estudo das Doenças InfecciosasLiga dos Amigos do Hospital de São Bernardo, LAHSB-CHSLASA
Ordem dos MédicosSociedade Portuguesa de Escritores e Artistas Médicos (SOPEAM)Sociedade Portuguesa de Medicina Interna: SPMISociedade Portuguesa de Medicina do Viajante (SPMV)sYnapsis