Notícias

Divulgação Cultural

Espetáculo evoca Rosado Pinto

Espetáculo evoca Rosado Pinto

O Fórum Municipal Luísa Todi é palco, no dia 31, pelas 21h30, de um espetáculo evocativo de homenagem a Maria Adelaide Rosado Pinto, no vigésimo aniversário da morte da musicóloga e poetisa setubalense.

O evento, promovido pela Liga dos Amigos de Setúbal e Azeitão, numa parceria com a Casa da Poesia de Setúbal e com o apoio da Câmara Municipal, divide-se em duas partes, com momentos musicais, dinamizados pelas instituições às quais a homenageada esteve ligada, poesia declamada pela atriz Célia David e testemunhos.

O espetáculo começa com a projeção de um vídeo sobre a vida e o percurso profissional de Maria Adelaide Rosado Pinto, a que se seguem atuações do Coral Infantil de Setúbal e da Academia de Música e Belas-Artes Luísa Todi.

A primeira parte do espetáculo termina com uma mesa-redonda, moderada por António Laertes, com testemunhos do coordenador de Educação Musical da Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Setúbal, José Godinho, do poeta José António Chocolate, do diretor do Conservatório Regional de Setúbal, Luís Fernandes, e de Eduardo Rosado Pinto, sobrinho da homenageada.

Uma atuação do Conservatório Regional de Setúbal abre a segunda parte do espetáculo, que conta ainda com apontamentos do Rancho Folclórico Etnográfico de Danças e Cantares da Barra Cheia, da banda da Sociedade Musical Capricho Setubalense e do Coral Luísa Todi.

O espetáculo termina com a projeção do poema “Valeu a Pena”, de Maria Adelaide Rosado Pinto, declamado pela atriz Célia David, que também vai recitar outros poemas da musicóloga e poetisa setubalense.

Nascida em Setúbal, em 1913, Maria Adelaide Rosado Pinto tinha uma personalidade multifacetada, independente e inovadora, sendo considerada uma mulher à frente do seu tempo.

Musicóloga, formada no Conservatório de Música de Lisboa e bolseira da Fundação Calouste Gulbenkian, frequentou diversos cursos noutros países que lhe permitiram aceder a novas perspetivas didáticas e pedagógicas que se traduziram em métodos inovadores que aplicou nas instituições a que pertenceu e em projetos de Educação Musical nas escolas.

Como poetisa, publicou o livro de poemas “Marés Vivas”.

Os bilhetes para o espetáculo de homenagem a Maria Adelaide Rosado Pinto, com o custo de quatro euros para a primeira plateia e três para a segunda, podem ser adquiridos diretamente no Fórum Municipal Luísa Todi.

Outros artigos em Divulgação Cultural:

Encontro | O legado d’As mil e uma noites | 24 out. | 14h00 | BNP

Encontro | O legado d’As mil e uma noites | 24 out. | 14h00 | BNP

São apresentadas e debatidas algumas comunicações sobre a receção, representação, tradução e presença d’As mil e uma noites na cultura portuguesa e a nível internacional, principalmente na literatura. O evento decorre no âmbito da exposição As mil e uma noites em Portugal comissariada por Fabrizio Boscaglia, Hugo Maia e Renata Fontanillas

Concerto | Sarau dos Amores: Coro de Câmara da Universidade de Lisboa | 20 out. | 16h00 | BNP

Concerto | Sarau dos Amores: Coro de Câmara da Universidade de Lisboa | 20 out. | 16h00 | BNP

Renascença, tempo de (re)conquista e (re)descoberta do Homem, do mundo e de tudo o que este tinha para dar. Após centenas de anos de amores condenados e proibidos, o amor do renascimento não escapou ao florescer da expressão humana, onde proliferaram as paixões, as conquistas, as saudades, os pesares, as tampas, as despedidas, os desprezos, as traições, o exímio galanteio e os seus grandes ícones

Apoios/Parcerias:

Associação Portuguesa para o Estudo Clínico da SIDA (APECS)By The BookConsulped - Consultórios de Pediatria e da Famíliaideiavirtual - aplicações interativasLACPEDI - Liga de Apoio Comunitário em prol do Estudo das Doenças InfecciosasLiga dos Amigos do Hospital de São Bernardo, LAHSB-CHSLASA
Ordem dos MédicosSociedade Portuguesa de Escritores e Artistas Médicos (SOPEAM)Sociedade Portuguesa de Medicina Interna: SPMISociedade Portuguesa de Medicina do Viajante (SPMV)sYnapsis